Espiritanos na abertura do Ano da Fé.

Nossos confrades José Manuel Sabença, Joseph Shio, Richard Sum, Jean-Marie Bassok e Joseph Shayo estavam muito felizes por participar, em Roma, da missa de abertura e receber de perto a benção do Santo Padre.

50 anos depois da abertura do Concilio Vaticano II e 20 anos após a publicação do Catecismo da Igreja Católica, o Papa Bento XVI presidiu neste último 11 de outubro a missa solene de abertura do Ano da Fé previsto para acontecer de 11 de outubro de 2012 a 24 de novembro de 2013. Relatório.

Roma, Praça São Pedro, nesta quinta-feira, 11 de outubro de 2012. Aso milhares, peregrinos e fiéis participaram da missa que marca o quinquagésimo aniversário do Concilio Vaticano II e a abertura solene do Ano da fé.

Era precisamente às 10h quando os grandes órgãos e outras trombetas deram o tom da celebração. Inicia-se a procissão, saindo do interior da Basílica em direção a grande praça. Um diácono portava o Evangeliário precedido pela cruz à frente da procissão. Era possível ver em marcha os cardeais e bispos, todos com casulas. Depois o ‘papamóvel’ fez sua entrada. Passando pelos corredores, de pé, o Santo Padre abençoava aos fiéis. As câmeras fotográficas imortalizavam estes momentos. Depois de incensar o altar, o Papa volta ao seu trono para iniciar a celebração. A missa foi celebrada em latim, com exceção das leituras, o salmo e oração universal, que foram lidas em várias línguas.

Na sua homilia, falada em italiano, o Papa sublinhou que a “Igreja quer aprofundar continuamente a «bagagem» da fé que Cristo lhe confiou”. No final da pregação do Santo Padre, a multidão foi convidada a meditar por alguns momentos em silêncio. A missa continuou com os ritos habituais. A missa terminou às 12h15m com o Papa Bento XVI a atravessar os corredores da Praça São Pedro.

Lembramos que em 11 de outubro de 2011, o Papa Bento XVI escreveu a Carta Apostólica Porta Fidei, “a Porta da Fé”, para promulgar o ano da fé, que começou em 11 de outubro de 2012. Este ano terminará com a solenidade de Cristo Rei do Universo em 24 de novembro de 2013. Assim o Papa pretende enfatizar “a força e a beleza da fé”, a graça do Concílio Vaticano II e da importante contribuição do Catecismo da Igreja Católica para “a nova evangelização para a transmissão da fé cristã” (tema da Assembleia Geral do Sínodo dos Bispos de outubro de 2012). Gaston Temgoua, Roma.    (Fotos: Richard Sum).

Viva o Ano da Fé!   

E nós Espiritanos, como podemos viver o Ano da Fé?

This entry was posted in Informações Espiritanas. Bookmark the permalink.